Por: A Vida Acontece em Gerúndio
Visualizações: 1505

O arrebatamento

22/09/2014

Ah, tãotá, fofa. O grande momento do clique foi seu pezinho na grama fazendo fio terra, solzinho batendo no rosto, garrafinha de água na mão, gotículas de água no corpenio véio e plunct-plact-zum!? Tive várias dessas na última esticada em Matinhos. Sim, foi isso mesmo. Sem carruagens e príncipes, sem banda de música, pétalas de rosas caindo do céu ou carro de som de político. É assim na vida. A gente escuta o que dialoga com a alma em silêncio e provoca uma batucada de escola de samba na Sapucaí dentro da gente. Especialistas de diversas áreas dão variados nomes para esse momento. Você pode dizer que é o "chamado", o "clique", a "virada", a "pombagira". Guardadas as devidas proporções, me arrisco a comparar quando uma mãe ou um pai olham seu filho pela primeira vez. É um arrebatamento. Dentro dessa sensação, cabem inúmeras outras, como o amor, a esperança, o sonho, o medo, o orgulho, a realização, a entrega, a insegurança. É como um beijo no amor da vida que parece que te coloca onde você deveria sempre ficar. A diferença é que um filho ou o beijo no grande amor estão ali na sua frente, acontecendo, existindo, um gerundismo da realidade que te transforma sem chance de escape. Eu engravidei de uma vontade, de um sonho. Meus pés numa prancha, minha vida na água, foram beijos de amor. Agora, em setembro, fecham nove meses que larguei tudo para apostar num novo futuro. Não vejo a hora de parir. Está bem perto. Fui arrebatada por um sonho. Chegou a hora da realidade fazer a mesma coisa.

Mais posts do autor
Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
este post

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

O Blog

A Vida Acontece em Gerúndio
Sou uma jornalista quase quarentona e estou mudando minha vida depois de a ter bem estruturada, carreira a mil por hora, casa própria, cachorros e papagaio. O papagaio não é verdade. Mas já tive que cuidar de uma tartaruga – o que serve para o momento. Esse blog nada mais é que uma autoterapia e, talvez, quem esteja pensando em dar uma guinada de muitos graus consiga se divertir por meio dos meus relatos e opiniões pessoais. Ou não. O fato é que estou fazendo uma mudança de vida e resolvi estar escrevendo enquanto isso estiver acontecendo porque, apesar de não ser operadora de telemarketing, a vida acontece em gerúndio. Sempre e inevitavelmente.

Opiniões expressas nos blogs e colunas por meio de suas publicações são de exclusiva responsabilidade do autor, não passam por qualquer controle de edição, editoração ou conteúdo e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.

Blogueiros & Colunistas

Voltar