Cultura, Eventos, Florianópolis, Geral, Publicidade - 12 Dez 2013 20:45

Animação produzida em Florianópolis estreia em dezembro em todo o Brasil

Produção teve participação Fox Filmes International, Globo Filmes e Glaz Entretenimento
Por: Paulo Evangelista
 

A animação Minhocas, produzida em Santa Catarina com participação da Fox Filmes International, Globo Filmes e Glaz Entretenimento, estreia no dia 20 de dezembro em todos os cinemas do Brasil. O primeiro longa brasileiro inteiramente em Stop Motion foi criado no Sapiens Parque, em Florianópolis.

De acordo com Paolo Conti, diretor da empresa Animaking, que saiu de São Paulo para se instalar no Sapiens Parque, o cenário encontrado no local propiciou o desenvolvimento de inovações que permitiram a idealização e realização do Minhocas.

Diretor-executivo do empreendimento, José Eduardo Fiates complementa que o espaço é dotado de infraestrutura e sistemas para atrair e formar talentos e empreendimentos capazes de gerar ideias e conhecimentos e transformá-los em novos produtos e serviços para a sociedade.

Minhocas

A cantora Rita Lee, o lutador Anderson Silva, o ator e cantor Daniel Boaventura e outros artistas emprestaram suas vozes para a animação brasileira. O filme catarinense foi produzido pela Animaking, empresa dentro do Sapiens Parque. A direção é assinada por Paolo Conti com codireção de Arthur Nunes. A Fox Filmes International, Globo Filmes e Glaz Entretenimento assinam como coprodutoras.

É o primeiro longa brasileiro inteiramente em stop motion – técnica que utiliza objetos reais fotografados em sequência de movimentos. Na produção, Júnior é uma minhoca pré-adolescente que, durante uma tentativa de se exibir, acaba capturada por uma escavadeira. Em um lugar muito longe de seus amigos, ele acaba controlado e escravizado por um tatu-bola que sonha em dominar o mundo. Com muitas trapalhadas e confusões, Júnior e seus novos amigos fazem de tudo para derrotar o vilão e poder voltar para casa.

Os profissionais trabalharam durante cinco anos, em atividades como desenho, cenografia, escultura, marcenaria, pintura, engenharia e arquitetura. As mais de 1400 bocas que possibilitam expressões mais realistas dos personagens foram desenvolvidas com auxílio de impressoras 3D, uma técnica ainda pouco utilizada no mundo da animação. Com orçamento de R$ 10 milhões, o longa já tem distribuição garantida na América Latina.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar