Agricultura, Biguaçu, Grande Floripa - 23 Jun 2013 07:53

Banana cultivada em Biguaçu vai receber certificação orgânica

Processo envolve cinco produtores locais e pretende agregar ainda mais agricultores em um trabalho de valorização da agricultura
Por: Arielli Secco
 
Banana cultivada em Biguaçu vai receber certificação orgânica Certificação vai fortalecer agricultura familiar em Biguaçu (Foto: Divulgação)

Uma parceria entre a Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), a Certificadora Rede Eco Vida, produtores e agrônomos voluntários viabilizou o ingresso em um processo de certificação orgânica da banana cultivada em Biguaçu.

A meta, de acordo com o extensionista da Epagri de Biguaçu, Cicero Brasil, é obter a certificação e o selo de identificação da produção local até o fim de agosto de 2013. As etapas compreendem um trabalho que integra a cultura, o manejo, a destinação dos resíduos e o condicionamento social dos produtores.

- A atividade é uma tradição do litoral Centro-Norte catarinense, que começa em Palhoça e vai até Balneário Camboriú. É uma tradição de 150 anos entre as famílias de agricultores.

A valorização do produto é visível, ocasionando também o aumento da produção. O extensionista da Epagri comenta que o quilo da banana passou de de R$ 0,60 para R$ 1,20 desde o início das orientações da Rede Eco Vida. Ele estima que, por ano, sejam produzidas 700 toneladas só na região de Biguaçu.

- Quem compra o produto investe também na preservação das fontes naturais de água que ainda existem no local, na fauna, na flora e também na estrutura familiar dos agricultores.

Além dos cinco agricultores que cultivam a banana, há também um produtor de ervas e temperos. No total, são seis produtores envolvidos no projeto até o momento. A intenção, de acordo com Brasil, é ampliar e agregar ainda mais famílias da atividade agrícola.

Histórico

Na sexta-feira (21), foi realizada a primeira visita de verificação para obtenção do selo orgânico. A chuva, porém, atrapalhou a programação e, de acordo com Brasil, apenas uma propriedade foi visitada. O acesso às regiões é muito difícil porque as regiões sao íngremes e o tempo ruim acaba impedindo a passagem das equipes. Uma nova visita foi agendada para o início de julho.

No dia 24 de maio de 2013, o grupo de agricultores participou de uma oficina junto a pesquisadores para prevenção de patologias nas plantações. Os cuidados e procedimentos da pós-colheita também foram abordados, desde o corte do cacho, transporte, vias de acesso, despenca e pré-lavação do produto. A aplicação de produtos naturais para fortalecimento das plantações foi um dos direcionamentos da oficina.

Produtor Antonio P. Nau participou das atividades realizadas no dia 24 de maio em Biguaçu (Foto: Epagri/Divulgação)Produtor Antonio P. Nau participou das atividades realizadas no dia 24 de maio em Biguaçu (Foto: Epagri/Divulgação)


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar