BR-101, Comunidade, Geral, Palhoça - 22 Ago 2019 15:22

Cachorra encontrada na BR-101 reencontra os donos após ser resgatada

Animal foi encontrado andando às margens da rodovia
Por: Direto da Redação TSF
 
Cachorra encontrada na BR-101 reencontra os donos após ser resgatada (Foto: divulgação)

A família de Cleber Ern, morador de Palhoça, está completa novamente desde a noite de terça (20), quando ele reencontrou a cadela “Gorda”, na sede do SOS Usuário da Arteris Litoral Sul na BR-101. Cleber já tinha percorrido mais de 100 km na busca por ela, um cão da raça chow chow, que tem nove anos.

A angústia começou ainda na noite de domingo (18), quando “Gorda” aproveitou um descuido – o portão ficou aberto – para escapar. Logo em seguida, Cleber começou a procura e praticamente não dormiu na madrugada.

- Tenho uma filha de três anos, que não parou de chorar desde que a ‘Gorda’ fugiu. Somos muito apegados aos nossos dois cães, e fui até São Pedro de Alcântara na procura dela -, relembra Cleber.

A família mora a cerca de 1 km da rodovia, e foi na BR-101 que “Gorda” foi localizada ainda no domingo, às margens da rodovia, em São José. Ela estava em situação de risco e foi capturada pelas equipes da PRF e Arteris Litoral Sul. Os agentes conseguiram capturar o cão, após muito trabalho, já que ela estava muito assustada, tentando morder motociclistas, funcionários da Autopista e os policiais. O animal foi resgatado e encaminhado ao canil da Autopista para cuidados com o veterinário, onde recebeu aplicação de antibiótico, anti-inflamatório, assepsia nas patas, foi alimentado e hidratado.

A espera teve fim no final da tarde de terça (20), depois que a PRF divulgou imagens do cão. Uma colega da família visualizou uma publicação na internet, e avisou a esposa de Cleber.

- Em cerca de 15 minutos depois do contato, já estava com a ‘Gorda’ no colo. Agradecemos a toda equipe que cuidou bem dela e estamos muito felizes com a volta da Gorda para casa -,  agradeceu.

A incidência de animais domésticos nas rodovias traz risco para a vida do animal e também para a segurança do trânsito. Em razão disso, as equipes da concessionária estão sempre atentas para impedir o acesso de cães e gatos nas rodovias. Em casos como o da “Gorda”, que estava bem agitada, a concessionária providencia ainda o acompanhamento médico para garantir o restabelecimento da saúde do cão. Nos casos em que o proprietário não é localizado, os animais são encaminhados para doação.

(Foto: divulgação)(Foto: divulgação)


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar