Cultura, Educação, Eventos, Florianópolis - 05 Mar 2020 16:51

Cineclube da Mostra: cinema de qualidade e de graça para crianças aos sábados

Programação oficial abre neste sábado (7) com o longa-metragem Turma da Mônica: Laços (2019), de Daniel Rezende
Por: Direto da Redação TSF
 
Cineclube da Mostra: cinema de qualidade e de graça para crianças aos sábados (Foto: divulgação)

O Cineclube da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis abre a programação oficial de 2020 neste sábado (7), com o longa-metragem brasileiro Turma da Mônica: Laços (2019), de Daniel Rezende, e pipoca para as crianças após a exibição. As sessões do cineclube são realizadas todos os sábados, às 16h, no cinema do CIC (Centro Integrado de Cultura), com entrada gratuita. Após as sessões, tem bate-papo com o público.

No filme da querida turma da Mônica, que marcou a infância de gerações, Cebolinha conta com ajuda dos amigos Cascão, Mônica e Magali e, claro, com um plano infalível para encontrar seu cachorro de estimação, o Floquinho, que está desaparecido. Lançado no ano passado, o longa do premiado diretor ainda não chegou ao circuito comercial na Capital catarinense.

A programação de março ainda tem Kiriku – Os Homens e as Mulheres (de Michel Ocelot, animação, França, 2015, 88 min), no sábado (14(; Curtas nacionais, no sábado (21); e O segredo de Kells – Uma viagem ao mundo das fábulas (de Tomm Moore, animação, Irlanda, França e Bélgica, 2009, 75min) no sábado (28).

Só em 2020, serão aproximadamente 50 sessões de cinema com filmes selecionados pela curadoria da Mostra.

- Entendemos que a diversidade é fundamental para a formação da consciência e, consequentemente, da cidadania. Deve-se pensar o cinema como formador cultural. Uma criança que vê na tela a cinematografia de seu próprio país e de muitos outros verá o mundo sob óticas variadas. Paralelamente, é preciso também abrir as portas do cinema a grupos ainda marginalizados do processo cultural e também promover o desenvolvimento do cinema infantil – afirma Luiza Lins, idealizadora da Mostra, que além do evento anual realiza ações o ano inteiro, por meio do Cineclube da Mostra e Circuito Estadual de Cinema Infantil.

(Foto: divulgação)(Foto: divulgação)


Sobre o Cineclube da Mostra

O cineclube começou em 2017 com uma sessão por mês e, a partir de 2018, passou a ser semanal. Desde então já foram exibidos cerca de 100 longas-metragens brasileiros e internacionais e 120 curtas metragens nacionais.

Na programação, filmes do acervo da mostra, que vão dos clássicos do cinema para crianças, como as animações do japonês Hayao Miyazaki, do francês Michel Ocelot, a curtas e longas metragens nacionais. A maioria não é exibida no circuito comercial. Os poucos que são, escolhidos pela curadoria pela qualidade incontestável, acabam beneficiando famílias que não podem pagar pela entrada nos cinemas da cidade.

- Acreditamos ser fundamental às crianças verem também a sua cultura na tela para se sentirem incluídas e conhecerem a diversidade cultural brasileira, que é tão rica. Com este acervo de 19 anos, temos muita coisa boa – destaca Luiza Lins.

Neste sábado, na abertura oficial, será divulgada a programação do primeiro semestre de cineclube.

Sobre a Mostra
A Mostra de Cinema Infantil hoje tem três ações principais: o evento anual, o Circuito Catarinense de Cinema Infantil e o Cineclube da Mostra. A Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis foi o primeiro evento cinematográfico a acontecer no país, em 2002, acrescido de debates e atividades ligadas ao cinema, voltado exclusivamente para o público infantil. Surgiu para suprir a carência deste público por eventos culturais e há 19 anos é realizado anualmente.

Em sua 10ª edição, passou a compartilhar o seu acervo, para exibição, com escolas e projetos do Brasil inteiro que solicitavam indicações de filmes para crianças – o que serviu de impulso para o Circuito Catarinense de Cinema Infantil. Em uma parceria com a FECAM e da Enercan, a Mostra passou a circular o Estado por meio da produção e distribuição de DVDs com filmes para crianças, com recursos de LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) e Audiodescrição, para que gestores culturais realizem mostras em seus municípios. Já alcançou 130 cidades catarinenses.

Na 17ª edição da Mostra, surgiu a vontade e a constatação da necessidade de dar acesso a audiovisual de qualidade para as crianças de Florianópolis durante o ano todo. Assim nasceu o Cineclube da Mostra, no cinema do CIC.

- Fui uma criança que teve muito acesso a cultura e a arte, meus pais me levavam muito ao teatro e ao cinema quando era pequena e quero oferecer esta experiência para as crianças da cidade. Arte e cultura é um direito delas, está na Constituição, e fico feliz de poder oferecer isto para elas. – conclui Luiza Lins.

(Foto: divulgação)(Foto: divulgação)


Cineclube da Mostra – abertura oficial

Quando: 7 de março, às 16h
Onde: Cinema do CIC. Centro Integrado de Cultura - Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica, Florianópolis
Quanto: Gratuito
- Chegue 30 minutos antes e garanta o seu lugar -

Programação Março 2020
- Todos os filmes têm classificação LIVRE -
Dia 7
Abertura Oficial da Programação 2020
Turma da Mônica: Laços (de Daniel Rezende, ficção, Brasil, 2019, 1h37min).
O Floquinho desaparece. Para encontrar seu cachorro de estimação, Cebolinha conta com os amigos Cascão, Mônica e Magali e, claro, um plano infalível.

Dia 14
Kiriku – Os Homens e as Mulheres (de Michel Ocelot, animação, França, 2015, 88 min).
O Homem Sábio da Montanha Proibida conta histórias do heróico Kiriku, que desde a infância sempre esbanjou coragem, inteligência e agilidade. Vivendo em uma aldeia ao lado de sua mãe, Kiriku era capaz de solucionar qualquer tipo de problema, até mesmo questões envolvendo forças ocultas.

Dia 21
Curtas nacionais – 59 min

Taí ó – Uma aventura na Lagoa (de Maurício Venturi, ficção, SC, 2014, 14min).
Esta é a história de João, um garoto que foge de casa e decide ir atrás de sua avó, conhecida como bruxa na Costa da Lagoa, onde só se chega de barco. No caminho, ele conhece Zé, um menino nativo que será seu parceiro e guia nesse desafio. Os dois iniciam uma amizade e uma aventura repleta de descobrimentos pela Lagoa da Conceição, reduto das lendas da Ilha de Santa Catarina.
Sobre a gente (de Alunos do Projeto Animação/ Núcleo Animazul, ES, animação, 2017, 6 min)
O filme conta as histórias das crianças que fizeram a animação.
Dia das Nações (de Iuli Gerbase, RS, ficção, 2017, 12 min).
Quando uma atividade chamada "Dia das Nações" é proposta para uma sala de aula cheia de crianças espertas e não tão obedientes, algumas coisas podem mudar na escola.

Salu e o Cavalo Marinho (de Cecília da Fonte. PE, 2014. Animação. 14 min).
O filme conta a história de Mestre Salustiano, um dos artistas populares mais famosos do Brasil. Filho do rabequeiro João Salustiano, Salu logo cedo cedo sonha em participar de um grupo de Cavaçp-Marinho, folguedo típico da região onde mora.

Disque Quilombola (de David Reeks, documentário, Rio de Janeiro, 2012, 13’)
Crianças do Espírito Santo conversam de um jeito divertido sobre como é a vida em uma comunidade quilombola e em um morro da cidade de Vitória. Através de uma brincadeira, revela-se o quanto a infância tem mais semelhanças do que diferenças

Dia 28
O segredo de Kells – Uma viagem ao mundo das fábulas (de Tomm Moore, animação, Irlanda, França e Bélgica, 2009, 75min).
Em um mosteiro, o mais fantástico dos livros precisa ser concluído e mostrado ao mundo. Esta misteriosa tarefa é dada a Brendan, um menino de apenas 12 anos. Para completar o lendário livro de Kells, ele conta com os ensinamentos do mestre Aidan e com a ajuda de Aisling, uma misteriosa menina-lobo. E ainda desobedece ao seu amado tio, o Abade Cellach, se perdendo na floresta encantada onde a força de uma serpente diabólica protege o incrível olho de cristal. Mas este é apenas o começo da jornada para Brendan se tornar o mais especial dos escribas.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar