Florianópolis, Polícia - 07 Mar 2016 09:10

Comissário de voo é  achado morto na cabeceira da Ponte Colombo Salles

Polícia trabalha com possibilidade de crime de homofobia
Por: Róbinson Gambôa
 
Comissário de voo é  achado morto na cabeceira da Ponte Colombo Salles (Foto: Facebook / Divulgação)

A polícia Civil em Florianópolis ainda não tem pistas sobre a morte do comissário de voo Alexandre João Batista Santiago, de 32 anos, assassinado entre a noite de sexta-feira (4) e a manhã de sábado (5). O corpo foi encontrado nas imediações dos clubes de Remo, na cabeceira da Ponte Colombo Salles, sem roupas e com as pernas e mãos amarradas. Também havia muitos sinais de violência. A Polícia suspeita de crime de homofobia.

Alexandre residia no Bairro Ingleses, no Norte da Ilha, e trabalhava para uma companhia de aviação.  Os peritos do IML que recolheram o corpo encontraram diversas perfurações feitas com faca ou canivete, além do crânio quebrado, provavelmente a pauladas.

(Foto: Facebook / Divulgação)(Foto: Facebook / Divulgação)


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar