Florianópolis, Geral, Saúde, Trabalho - 18 Set 2019 18:44

Hospital Florianópolis promove ação no Dia Mundial da Segurança do Paciente

Atendendo a apelo da OMS, sete unidades de saúde do IMAS se uniram em nome do bem-estar de seus pacientes
Por: Direto da Redação TSF
 
Hospital Florianópolis promove ação no Dia Mundial da Segurança do Paciente (Foto: divulgação)

Por mais técnicos que sejam os profissionais de saúde, sem o sentido pleno de humanidade, o atendimento à saúde não consegue atingir seus objetivos de garantir um atendimento de qualidade aos pacientes. Tanto é verdade que, neste ano, na data em que se comemora o Dia Internacional da Segurança do Paciente, em 17 de setembro, a OMS - Organização Mundial de Saúde, propôs como tema global para esta data, o slogan: “Fale pela Segurança do Paciente”.

O IMAS - Instituto Maria Schmitt, que administra o Hospital Florianópolis, na região Continental da Capital, de acordo com os princípios e as propostas da OMS, aderiu à campanha com uma atividade interativa, que somou conhecimentos e experiências, em tempo real e de maneira simultânea, em todas as suas unidades administradas, sempre pensando no paciente em primeiro lugar. Ao todo, as ações simultâneas envolveram diretamente cerca de 800 profissionais das sete unidades de saúde geridas pelo IMAS (Hospital Florianópolis, HRA – Hospital Regional de Araranguá, Dom Joaquim de Sombrio, Santo Antônio de Timbé do Sul, São Marcos de Nova Veneza, Dr. José Athanázio de Campos Novos e a UPA de Criciúma).

(Foto: divulgação)(Foto: divulgação)

Dominó - Tudo começou quando a coordenadora do Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital Florianópolis, Milena Maria Piccolin, antenada nas tendências mundiais de saúde propagados pela OMS, viu na campanha a possibilidade de colocar em prática uma ideia que trazia consigo, pronta para aflorar: a união sincrônica de todas as unidades administradas pelo IMAS. Ela propôs então uma brincadeira em efeito dominó, para que, de maneira lúdica, unisse forças buscando a troca de conhecimentos e experiências, servindo de inspiração e referência no cuidado com os pacientes.

A primeira peça do dominó foi movida através de um vídeo encaminhado pelo Hospital Florianópolis ao HRA, que foi convidado a participar simultaneamente de sua campanha, executando as mesmas ações, com datas e horas marcadas, e estimulando o HRA a fazer o mesmo convite à outra unidade da rede administrada pelo IMAS, até que todas as unidades estivessem inseridas na brincadeira.

Entre as ações propostas no dominó, foram realizadas palestras, workshops, roda de conversas e homenagens com o propósito de fortalecer a ligação entre as unidades regidas pelo Instituto, e atingir um grande número de pessoas propagando esse cuidado, unificando o IMAS em favor deste delicado tema de seu cotidiano, que é a segurança dos pacientes que utilizam as unidades hospitalares e a UPA de Criciúma.

Para a gerente de Enfermagem do HRA, Juliana Nazario, a iniciativa inédita foi muito positiva:

- Foi muito legal a ideia de todas as unidades promoverem essas ações conjuntas no Dia Mundial da Segurança do Paciente. Aqui no HRA, o auditório ficou lotado e todos foram muito participativos -, disse.

O sucesso da experiência lúdica e simultânea surpreendeu até mesmo sua idealizadora, a enfermeira Milena:

- Foi uma iniciativa modesta, quando a SOBRASP- Sociedade Brasileira para a Qualidade e Segurança do Paciente sugeriu que poderíamos ir além de nossos limites físicos, agregando novas plataformas de comunicação, usando as ferramentas virtuais para facilitar nosso contato. Vimos nesse estímulo a possibilidade de trazer à prática um antigo desejo de união das unidades administradas pelo IMAS. Montamos um cronograma de atividades - prontamente aprovado pela direção e o resultado foi fantástico, quando conseguimos atingir sete instituições diferentes em sete diferentes cidades, comemorando esta data importante e ao mesmo tempo, reforçando nossos laços -, comemora.

O presidente do IMAS, Robson Schmitt, também se surpreendeu com os resultados. Ele destaca que o Núcleo de Segurança do Paciente é o principal núcleo de apoio dentro dos hospitais, já que atua como o coração das unidades, englobando todos os setores - finanças, recursos humanos, administração, corpo clínico - no objetivo maior dos hospitais, que é a segurança e o atendimento humanitário dos pacientes:

- Com certeza, um dos maiores objetivos do IMAS é promover a segurança dos pacientes em todas as suas unidades de saúde, buscando uma padronização das formas, com a mesma qualidade, as mesmas prática. Unir as equipes, ver como trabalharam simultaneamente e sincronicamente, foi o ponto-chave que nos dá a certeza de que estamos no caminho certo. Fazendo uma analogia, esse sincronismo entre as unidades faz com que a gente possa mostrar o som da nossa orquestra, tocamos uma musica suave, tranquila, sem ruídos e sem problemas: é uma eficiência da gestão. Agradeço o empenho de todos os colaboradores desta organização por tornarem essa prática um grande sucesso -, finalizou.

(Foto: divulgação)(Foto: divulgação)


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar