Cultura, Eventos, Florianópolis, Geral, Palhoça - 02 Fev 2018 17:39

Indios Kaingang abrem Feira de Artesanato no Tisac, em Florianópolis

1ª Feira de Artesanato Indígena funcionará até o domingo (4), das 9 às 18h
Por: Direto da Redação TSF
 

Foi aberta na manhã desta sexta (2), no Terminal desativado do Saco dos Limóes (Tisac), em Florianópolis, a 1ª Feira de Artesanato Indígena Kaingang. A feira, que se estende até domingo (4), estará aberta das 9h às 18h. Os indígenas dos três estados do Sul do Brasil vêm a Santa Catarina nas temporadas de verão para vender seus artesanatos.

Os indígenas de Santa Catarina, do Paraná e do Rio Grande do Sul estão instalados provisoriamente no Tisac até a construção de uma Casa de Passagem definitiva em local adequado. A permanência dos artesãos indígenas e suas famílias no terminal desativado foi viabilizada a partir de acordo mediado pelo Ministério Público Federal em Santa Catarina (MPF/SC) no dia 13 de dezembro, que definiu que União, Funai, Estado e Prefeitura de Florianópolis seriam responsáveis por readequar o Tisac como abrigo provisório.

Na abertura da Feira o cacique Kaingang Eliseu Garcia, da Terra Indígena Votouro, em Benjamin Constant do Sul (RS), agradeceu o esforço do MPF/SC em intermediar a construção de uma casa de passagem.

- Centenas de famílias dependem dessas vendas nesse período para sobreviver ao longo do ano -, disse o cacique. Na abertura do evento indígena estiveram presentes representantes do Legislativo de Florianópolis, da Secretaria de Saúde Indígena (Sesai), da Fundação Nacional do Índio (Funai) e do MPF/SC.

Falando a repórteres que cobriam a abertura da 1ª Feira de Artesanato Indígena, a procuradora Analúcia Hartmann, do MPF/SC, que esteve na abertura, lamentou a morosidade com que vem sendo tratada a construção da casa de passagem para abrigar os indígenas.

- Eles (indígenas) estão nesse local (Tisac) onde tudo é precário. Esperamos que ainda em 2018 haja por parte da União, da Prefeitura de Florianópolis, do Estado e da Funai alguma solução permanente -, disse. Analúcia também parabenizou os Kaingang que organizaram por conta própria a Feira.

- É uma iniciativa extremamente importante para demostrar todo o trabalho artesanal e valorizar a cultura indígena -.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar