Esportes, Eventos, Florianópolis, Manezinhos pelo Mundo - 13 Fev 2020 00:08

Marina Rodriguez volta ao UFC em maio para enfrentar Clauda Gadelha

Atleta do Bairro Ingleses está entre as 10 melhores do mundo na sua categoria
Por: Direto da Redação TSF
 

No mesmo dia em que retornou para casa, em Florianópolis, após um periodo de 10 dias de treinos na Califórnia (EUA), a atleta de MMA Marina Rodriguez foi comunicada da data e da adversária para see próximo compromisso no UFC, a maior organização de lutas do mundo. Será no dia 23 de maio, contra a brasileira Claudia Gadelha, no UFC Fight Night 174, em Oklahoma City.

Moradora do bairro Ingleses e preparada pela equipe Thai Brasil, do mestre Marcio Malko, Marina Rodriguez está na 9ª colocação na classificação da categoria. Seu ingresso no UFC se deu através do Contender Series, em 2018, um reality show que busca dar oportunidade a atletas desconhecidos. Mesmo após quatro lutas na organização, marina segue invicta, com 12 vitórias e dois empates. A mais recente vez em que subiu no octógono foi em dezembro de 2019, num empate com Cynthia Calvillo.

Depois de se destacar em eventos regionais em Santa Catarina, Marina estreou no UFC num empate com a iraquiana radicada no Canadá Randa Markos. Depois disso, Marina venceu a mexicana Jessica Aguilar, por pontos e, em fevereiro deste ano, Tecia Torres,antes de empatar com Cynthia Calvillo.

Floripa no UFC
Desde que o MMA surgiu no início dos anos 90, Florianópolis se destacou no UFC com diversos atletas. O primeiro deles foi Fabiano Iha, da Lagoa da Conceição. Depois disso, outros craques do octógono marcaram época como Thiago Tavares, Kevin Silva (O Príncipe da Palhoça), Nazareno Malegarie, Ivan Batman, Kevin Souza, Márcio Lyoto e Santiago Ponzinnibbio. Marina foi a primeira mulher a representar Floripa na organização, e hoje já pode ser considerada a principal atleta da cidade no UFC.

No Ultimate desde 2014, Claudia Gadelha, que ocupa a sexta posição no ranking oficial da divisão, possui seis vitórias e quatro derrotas na organização. Em 2016, a brasileira teve a chance de lutar pelo cinturão da categoria, mas foi derrotada pela, até então campeã, Joanna Jedrzejczyk. Na última vez que pisou no octógono, a potiguar venceu a canadense Randa Markos, por decisão unânime dos jurados, em julho de 2019.

Na semana passada, Claudia Gadelha havia apontado à imprensa especializada quais as as rivais que gostaria de encarar após não poder atuar no UFC 246 e uma de suas opções era a gaúcha radicada em Floripa Marina Rodriguez.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar