Cultura, Florianópolis, Geral, Turismo - 22 Mai 2018 17:14

Miniaturas do Museu Nacional do Mar são expostas em Floripa

Material estará no Museu Histórico, no Palácio Cruz e Sousa
Por: Direto da Redação TSF
 
Miniaturas do Museu Nacional do Mar são expostas em Floripa (Foto: Valmir Guedes / Divulgação)

Miniaturas do mundo naval poderão ser vistas em Florianópolis a partir da próxima semana. É que o Museu Histórico de Santa Catarina, sediado no Palácio Cruz e Sousa, no Centro, receberá a exposição “Barcos do Brasil e do Mundo: a coleção de modelismo naval do Museu Nacional do Mar”, a partir da terça (29).

A intenção da mostra é trazer parte do acervo do Museu Nacional do Mar de São Francisco do Sul que, assim como o Museu Histórico, também é administrado pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC), para ser exposto em Florianópolis. São mais de 200 peças de modelismo e artesanato naval, formando o maior acervo do gênero no país e que, por um breve período, deixará a exposição permanente em São Francisco do Sul para ser exibida no Palácio Cruz e Sousa.

- Maio é o mês dos museus e, sendo a FCC administradora de seis dos principais museus de Santa Catarina, promove essa conexão dos acervos destes que estão entre os mais representativos: o Museu Histórico e o Museu do Mar. É uma experiência rica, de troca e que possibilitará ao público de Florianópolis conhecer um recorte muito importante da magnitude que é o patrimônio naval brasileiro -, explica o presidente da FCC, Ozeas Mafra Filho.

(Foto: Divulgação)(Foto: Divulgação)

A mostra, que vai até 15 de julho, foi viabilizada por meio de uma parceria entra a Fundação Catarinense de Cultura (FCC) e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O horário de atendimento ao público do Museu Histórico de Santa Catarina é de terça a sexta-feira das 10h às 18h e aos sábados, domingos e feriados das 10h às 16h. Os ingressos custam R$ 5 ou R$ 2 (meia).

Sobre o Museu Nacional do Mar
Inaugurado em 1992, o Museu Nacional do Mar - Embarcações Brasileiras ocupa os históricos galpões de uma antiga empresa de navegação às margens da Baía da Babitonga. Reúne não só o maior acervo de embarcações, 91 no total, como também a grande diversidade de peças oriundas de todas as regiões do país.

O espaço recebe anualmente de 40 mil visitantes, entre grupos de estudantes, pesquisadores e turistas vindos de todas as partes do Brasil e do mundo procuram pelo espaço, interessados em conhecer melhor as artes e saberes do homem do mar.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar