Cultura, Eventos, Florianópolis, Geral - 08 Abr 2018 06:01

Museu Histórico reabre na terça (10) com exposições de temática açoriana

Estrutura elétrica foi totalmente renovada
Por: Direto da Redação TSF
 
Museu Histórico reabre na terça (10) com exposições de temática açoriana (Foto: Divulgação)

O Museu Histórico de Santa Catarina, sediado no Palácio Cruz e Sousa, Centro de Floripa, reabre ao público nesta terça (10), com toda a parte elétrica renovada. E para marcar esse novo momento, o espaço receberá duas exposições para enaltecer os 270 anos da presença dos açorianos no litoral de Santa Catarina: Assim, Hassis e Descobrindo Açores.

Em parceria com a Fundação Hassis, será realizada a exposição Assim, Hassis, que tem o propósito de mostrar a diversidade do artista e um panorama histórico da produção artística de Hassis. Apresentando uma seleção de pinturas do artista, o coordenador do setor educativo do Museu Hassis, Denilson Antonio, que também é curador da exposição, traz obras que não são expostas há muito tempo, bem como trabalhos já conhecidos. A intenção é apresentar ao publico a diversidade do artista que permeou por varias linguagens, um recorte cronológico sobre fazes e séries que Hassis criou durante sua vida.

Já a exposição Descobrindo Açores mostrará ao público 43 trabalhos de colagem criados pelo artista Plástico Jone Cezar de Araújo para ilustração do livro de poesias com o mesmo nome, escrito pelo poeta e jornalista Marcelo Passamai.

Assim, Hassis

Um artista inquieto, incansável sempre em busca de algo diferente, praticava muito e descobria assim uma nova composição, pincelada ou forma em sua pintura, misturava materiais, o que leva a perceber o lado contemporâneo de Hassis em seu trabalho. Exemplo a “Amarração”, cena noturna de 1966 representa o cais, uma corda é colada na pintura, uma das primeiras experiências com materiais diversos. No quadro que faz parte da série “Hassis HQ” de 1998 essa assemblage aparece novamente, “Batman” possui pedaços de madeira, sobras de construção, piteira de cigarro, lente de óculos, materiais não comuns no uso da pintura e que compõem a obra. Ainda fazem parte da exposição as “Marinhas”, Hassis moderno, o carnaval, entre outros trabalhos que deixam clara essa inquietude criativa do artista.

A inspiração para o artista resultou do convite do Governo da Região Autônoma dos Açores/Portugal a descendentes de açorianos a participarem do Curso “Açores, a Descoberta das Raízes”, reunindo comunidades de todo o mundo.

Os artistas
Hiedy de Assis Corrêa - o Hassis - é filho de Orlando de Assis Corrêa, e de Laura Rodrigues Corrêa. Tem uma longa trajetória e produção de artes. Entre outros interesses, Hassis sempre foi um interessado pela Guerra do Contestado. Iniciou em 1984 o painel “Contestado – Terra Contestada”, com 36 metros, divididos entre os seus sete módulos (os desenhos fazem um relato cronológico do conflito). Este painel, após ficar por anos no Terminal Rodoviário Rita Maria, em Florianópolis, atualmente está no Museu do Contestado, em Caçador.

É autor, ainda, de murais expostos nas seguintes instituições: Banco do Brasil S.A., Florianópolis/SC – 1971; Clínica de Olhos São Sebastião, Florianópolis/SC – 1972; Indústria Perdigão S.A., São Paulo/SP – 1977; USATI S.A, Florianópolis/SC – 1978; Capela da Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis/SC –1979; Banco do Brasil S.A., Agência do Porto – Portugal – 1980; Banco do Brasil S.A., Agência Joinville/SC – 1984; Residência de Max Stolz Neves, Curitiba/PR – 1984; Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina, Florianópolis/SC – 1986.

Jone Cezar de Araújo, natural de Morro da Fumaça/SC, também é descendente de açorianos. Artista autodidata, reconhecido com 130 prêmios nacionais e internacionais desde 1980, nas mais diversas categorias das artes visuais como fotografia, pintura, teatro, cerâmica, carnaval, aquarela e arte presepista. Membro da AIAP/UNESCO – Associação Internacional dos Artistas Plásticos – nº 1217/00; da UN-FOE-PRAE – Federação Universal dos Presepistas; da Associação de Belenistas de Madrid; da Associação de Presepistas de Roma; da Assocazione Italiana Amici del Presepio; e Sócio Fundador da Casa dos Açores de Santa Catarina.

Serviço
Exposições Assim, Hassis e Descobrindo Açores
Local: Museu Histórico de Santa Catarina / Palácio Cruz e Sousa
Abertura: terça (10), às 19h
Período de visitação: de 11 de abril a 13 de maio de 2018
Horário de visitação:
De terça a sexta das 10 às 18h
Sábados, domingos e feriados das 10 às 16h.
Entrada gratuita.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar