Cultura, Eventos, Florianópolis, Geral - 12 Set 2017 23:48

Noite de premiação da FCC no CIC teve Balé Bolshoi e Cores de Aidê

Evento artístico e com entrada gratuita marcou o encerramento do Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura
Por: Direto da Redação TSF
 
Noite de premiação da FCC no CIC teve Balé Bolshoi e Cores de Aidê Cores de Aideê em apresentação desta terça (12)

O Teatro Admir Rosa, do CIC, sediou na noite desta terça (12), a cerimônia de premiação do Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura 2017, promovido pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC). O maior palco do Estado recebeu produções e artistas premiados nas mais recentes edições do edital: a banda Cores de Aidê, o ator Malcon Bauer com o esquete teatral de O Homem de Agrolândia, e as performances da Cia de Dança Lápis de Seda e da Escola Teatro Bolshoi no Brasil, além da apresentação da atriz Milena Moraes.

A ideia da Noite de Premiação, segundo o presidente da FCC, Rodolfo Joaquim Pinto da Luz, foi ir além da protocolar solenidade de assinatura de contratos e promover um evento artístico, prestigiando e aproximando a produção cultural do público. O Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura 2017 premiou 175 projetos em sete categorias (Artes Visuais, Culturas Populares, Dança, Letras, Música, Patrimônio Cultural, Teatro e Circo), com um total de R$ 5,6 milhões investidos pelo governo de Santa Catarina, por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esportes (SOL) e da FCC. Mais de 1,8 mil propostas foram inscritas no período de abril a junho deste ano em um processo que marcou a inclusão do edital no universo digital.

O evento contou com a presença do Secretário de Estado de Turismo Cultura e Esporte, Leonel Pavan, e também serviu para a formalização da assinatura dos contratos dos proponentes premiados na edição deste ano.

- Foi uma noite especial e essencialmente artística. Não haveria forma mais legítima de celebrarmos mais esse edital do que prestigiando aqueles artistas que sempre acreditaram neste instrumento de fomento para a produção cultural do Estado. Por isso, entendemos que a festa tinha que ser no palco, com esses quatro belos espetáculos que traduzem a riqueza e a diversidade da produção artística fomentada por meio do Edital Elisabete Anderle -, explica o presidente da FCC.

Lápis de Seda (Foto: Cristiano Primm / Divulgação)Lápis de Seda (Foto: Cristiano Primm / Divulgação)

Sobre as atrações
Formada em 2015, no Morro do Quilombo, em Florianópolis, o Cores de Aidê é uma banda percussiva de samba-reggae que recentemente reverenciou, por meio das suas integrantes e do seu contagiante samba-reggae, o protagonismo feminino.  O grupo foi contemplado pelo Prêmio Catarinense de Música do Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura 2017 na categoria Música.

Cia de Dança Lápis de Seda: A gênese desta especial companhia de Florianópolis é justamente o Edital Elisabete Anderle de 2014, com o projeto contemplado pelo Prêmio Catarinense de Dança. O resultado prático foi a criação e circulação de dois espetáculos de dança contemporânea com foco inclusivo – são 10 integrantes, sendo seis com deficiência intelectual e/ou motora. Não tardou para que a companhia ganhasse o Estado e o país, emocionando plateias em teatros e festivais, especialmente com “Convite ao Olhar”, espetáculo que será a base da performance que o grupo apresentará no dia 12 de setembro.

O Homem de Agrolândia: Contemplado com o Prêmio Catarinense de Teatro 2014, O Homem de Agrolândia é um solo cômico, com viés autobiográfico, de autoria do ator e dramaturgo Malcon Bauer. Essa obra portátil (para ser encenada em teatros e bares) explora as fronteiras entre o teatro e a tradição do stand up por meio do divertido e excêntrico modo de vida de um rapaz recém-chegado de uma pequena cidade do Alto Vale do Itajaí.

Escola Teatro Bolshoi no Brasil: A emblemática escola de balé clássico, cuja única sede fora da Rússia encontra-se em Joinville, foi premiada em 2014 pelo Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura na categoria Dança. O projeto “Conexões” consistiu em um curso de desenvolvimento teórico e prático nas áreas da dança contemporânea e interpretação. Na Noite da Premiação, a Escola levará para o palco do Teatro Ademir Rosa uma das suas performances clássicas.


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar