Geral, Palhoça, Trabalho - 06 Dez 2018 12:42

Palhoça: servidores iniciam greve e protestam em frente à Prefeitura

Sindicato que reúne a categoria exige retirada de projeto na Câmara
Por: Direto da Redação TSF
 
Palhoça: servidores iniciam greve e protestam em frente à Prefeitura (Foto: Sitrampa / Divulgação)

Um grupo de servidores municipais de Palhoça promovem uma manifestação de protesto em frente à Prefeitura nesta quinta (5). Na véspera, uma assembleia do Sitrampa (Sindicato que reúne a categoria dos municipários em Palhoça), com a participação de cerca de 600 trabalhadores aprovou paralisar as atividades por tempo indeterminado. Os servidores exigem que a administração municipal retire da pauta na Câmara de Vereadores um projeto que, segundo os servidores, amplia a carga horária de trabalho para 8h.

O projeto altera a carga horária no funcionalismo público municipal e também trata do reajuste salarial à categoria.

- Diante da inércia do executivo Municipal em resolver a situação das horas de trabalho, por unanimidade, a assembleia declarou paralisação. Na pauta estão o reajuste dos menores salários e a regulamentação definitiva da carga horária de trabalho -, salientou o presidente do Sitrampa, Francisco Antônio de Souza Martins.

Os manifestantes permanecem durante toda a tarde em frente à Prefeitura, com faixas, cartazes e apitos. Uma reunião deve acontecer entre a direção do Sindicato e o Prefeito, às 17h.

A reportagem entrou em contato com a Prefeitura solicitando uma manifestação sobre a greve e os protestos, mas até o momento não houve retorno.


(Foto: Sitrampa / Divulgação)(Foto: Sitrampa / Divulgação)


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar