Economia e Negócios, Eventos, Florianópolis, Geral, Habitação - 24 Out 2017 00:22

Surpresa: Espaço Ubuntu vence eleição do melhor da CasaCor SC 2017

Contemporâneos, circulação e lavabo sem gênero incentivaram a desconstrução de preconceitos
Por: Direto da Redação TSF
 
Surpresa: Espaço Ubuntu vence eleição do melhor da CasaCor SC 2017 Leandro Sumar, Fábio Pereira e Tauan Zanetta (Foto: Carlos Alves / Divulgação)

A noite deste domingo (22) foi especial para os profissionais que participaram de mais uma edição da CasaCor SC 2017. No encerramento da mostra, que ocorreu no antigo imóvel da IDES (Irmandade do Divino Espírito Santo), na Praça Getúlio Vargas, em Florianópolis, o Ubuntu foi reconhecido pelo público como o melhor espaço deste ano. Ao total, os visitantes, que recebiam uma célula para votar no espaço preferido, escolheram um entre 28 ambientes de 46 profissionais. Responsáveis pelo Ubuntu, os arquitetos Fábio Pereira, Leandro Sumar e Tauan Zanetta foram reconhecidos durante a premiação.

Localizado ao fim de um corredor externo do piso superior da Casacor SC 2017, o espaço de número 21 era um misto de circulação e lavabo. Um dos destaques por lá ficou por conta da galeria de fotos expostas ao decorrer das escadas. Os cliques de Victor Hugo Silva, feitos exclusivamente para a mostra, representavam diferentes etnias, crenças, alterações genéticas e orientações sexuais. Tudo isso alinhado ao conceito “Eu sou porque nós somos”, significado de Ubuntu segundo filosofia africana. No espaço mais contemporâneo da mostra, era comum o visitante ser recebido por um dos próprios arquitetos.

{image:23:grande}(Foto: Rafael Ribeiro / Divulgação)

- Receber esse prêmio já na estreia da mostra foi bastante surpreendente. Conseguimos enxergar que foi o resultado de um trabalho muito bem elaborado. A gente se dedicou ao máximo durante as etapas de projeto, execução e apresentação durante os dias da mostra. Estivemos lá todos os dias mostrando nosso trabalho e defendendo o objetivo maior do Ubuntu, que era a união das pessoas e o respeito mútuo das diferenças. Estamos muito felizes -, destaca o arquiteto Leandro Sumar.

Ao final da primeira série de degraus da escada, quem passava pelo Ubuntu podia observar materiais originais do casarão através do piso transparente. Com 35m2, o local trazia elementos rústicos e naturais, com o aproveitamento de pedras de basalto cor ferrugem, madeiras já existentes na construção, porcelanatos que remetem ao sisal e grafismos africanos. Luminárias pendentes de filamentos de carbono, árvores fixadas no teto e um jardim vertical complementam o projeto.

(Foto: Rafael Ribeiro / Divulgação)(Foto: Rafael Ribeiro / Divulgação)

(Foto: Rafael Ribeiro / Divulgação)(Foto: Rafael Ribeiro / Divulgação)

(Foto: Rafael Ribeiro / Divulgação)(Foto: Rafael Ribeiro / Divulgação)


Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Floripa.


Outros comentários

noresults

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar